Qual o app? – Snapseed

Bom, como prometido, aqui estou eu começando a listar os aplicativos que mais uso nas edições de imagens das minhas fotos feitas com o celular.

O primeiro deles, como diz no título do texto, é o Snapseed.
Muitos devem fazer a tão cobiçada pergunta agora que é: é de graça? Sim, esse é – mas não se acostume pois isso não é algo normal nesse mundo de aplicativos para edições fotográficas.

Enfim… o Snapseed é um aplicativo que surgiu há alguns bons anos atrás, e se não me engano, foi um dos primeiros mais completos que existiu, feito ainda pela Nik Software. Logo depois acabou sendo adquirido pelo Google e praticamente estacionou no tempo. Rapidamente foi ultrapassado por outros e ficou lá largado num limbo… mas confesso que nunca deixei de usar (tá, por uns tempos esqueci dele realmente, mas logo depois voltei atrás haha). Não sei explicar realmente qual é a minha relação com o aplicativo, mas acho ele muito fácil de mexer e com resultados bem satisfatórios, talvez por isso eu to sempre utilizando ele nas minhas fotos.

Há alguns dias atrás ele teve uma atualização que pra mim foi essencial, colocando ele novamente no jogo da coisa toda. Muitos que já haviam abandonado o aplicativo começaram a cobiçar a sua volta – e sim, vale a pena mesmo.

Filters

O Snapseed adicionou algumas ferramentas como:
– Tonal Constrast;
– Lens Blur;
– Intelligent Perspective Transform;
– Spot Repair (healing).

Dentre essas novas ferramentas, a que mais chama a atenção é a correção de perspectiva inteligente, que geralmente você só vê em aplicativos mais específicos (para desktop) como o photoshop por exemplo.

Com o Snapseed 2.0 a edição não-destrutiva é uma prioridade, e um novo recurso de camadas permite você re-editar qualquer foto ou desfazer as alterações que você fez anteriormente. Agora você pode também copiar edições de uma imagem para outra, acelerando assim, o seu fluxo de trabalho –  isso se há certas edições que você gosta de repetir regularmente.

Muita gente sente dificuldade em utilizar o Snapseed, mas você sabendo que a cada efeito selecionado você tem algumas variáveis para mexer, irá ficar mais fácil. Você tem que deslizar o dedo verticalmente para escolher as opções dentro de cada efeito, e para modificá-los, é só mover o dedo na horizontal, aumentando ou diminuindo o mesmo. Nada que uma bela “fuçada” não resolva.

Filters2

Esse então é o primeiro aplicativo que indico e que sem dúvida é um dos que estão sempre nas minhas edições… seja para um simples “tapa” ou para algo maior a ser feito numa foto. Vale a pena dar uma fuçada nele e já ir escolhendo o que ele pode oferecer de melhor para as suas fotos.

Aliás, isso é uma coisa que conta muito, você saber qual aplicativo é melhor para o quê. Nem sempre os efeitos de um são iguais aos do outro – até mesmo os básicos como brilho, contraste, fade e etc… Você precisa saber qual entrega para você a melhor qualidade, e isso é pessoal e intransferível (hehe). Há aplicativos que o fade é melhor, há outros que o sharp (nitidez) é melhor, mas isso aí é de gosto e cada um tem que decidir o seu. Agora vai lá, baixe o snapseed e decida o que ele pode te trazer de bom – ou não. Bom divertimento e boas edições!

 

Anúncios

4 comentários sobre “Qual o app? – Snapseed

  1. Fala Cézinha! Sou fãzasso teu!
    Seria legal se você bolasse um App desse blog! Ou algo que desse pra ativar notificações a cada post teu.
    Seria bem util pra mim e muita gente!
    Parabéns pelo trabalho! Tamo junto.

    Curtir

  2. Fala Guilherme, tudo bem?
    Pô, eu agradeço! E respondendo tua dúvida/sugestão… na lateral direita do blog, lá pra baixo, tem um formulário que você acrescenta teu e-mail e recebe todas as novidades por lá ;). Acho que isso já te ajuda, não?
    Espero que funcione… Valeu e abraço.

    Curtir

  3. Olá, homi, tudo bem por aí?

    Bem, acompanho teu trabalho desde quando tu começou a trabalhar com a Nx – eu era fã da banda, na época, e daí acabei conhecendo seu trabalho -. Como desde o ensino médio tinha decidido entrar pra área da fotografia profissional – e foi nessa época que conheci seu trabalho – você vem sendo um marco pra mim. Acompanho sempre, e até cheguei a trocar uns papos com você via scrap no Orkut. Haahaha. Tamo ficando old. E no dia que fui no show de Nx aqui em Recife, em 2008, gritei mais por tu do que pelos meninos quando tava na frente do palco. Hahahaha.

    Então, sei que é bem chato isso dos comentários nas fotos de “Qual o app?” – como se fosse o aplicativo quem fizesse todo o trabalho – e por isso não pergunto, mas achei muito legal – e realmente ajuda – quando você se propõe a fazer um post desse.

    Continuo admirando seu trabalho,

    abraço grande!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s