Por trás da foto (Vol. 1)

Até hoje muita gente me pergunta se todas as minhas fotos que posto no Instagram são feitas com celular, e lá vai eu dizer mais uma vez que sim, todas são! Sei que muita gente duvida, alguns acham que eu minto literalmente, mas enfim, posso afirmar com todas as letras que não estou mentindo e que a graça pra mim é exatamente essa, de usar a limitação do celular para produzir imagens aceitáveis. Quem me conhece pessoalmente sabe do que estou falando (ou até já viu eu quebrando a cabeça pra conseguir alguma imagem dessas pelo celular).

Vejo muitos perfis onde as pessoas tiram fotos com suas poderosas máquinas DSLR e postam a foto no Instagram para mostrarem que são ótimos fotógrafos… isso para mim não faz efeito algum, pois uma imagem produzida por uma câmera DSLR não merece a pequena resolução do Instagram, mas sim que a foto seja publicada em algum site bom para isso (seja o 500px ou o Flickr por exemplo) – mas como o hype é o Instagram, muita gente utiliza desse meio.
A graça pra mim está na limitação da câmera do celular e dos aplicativos que nele existem para edição. Não há boa profundidade de campo, não se pode usar muito o zoom, a iluminação tem que estar de acordo, enfim… são tantas limitações que é aí que você evolui; Pensa no que pode fazer e procura soluções diferentes do que as óbvias caso você estivesse com um equipamento bem mais eficiente. 

Saindo desse papo, hoje trouxe uma foto que gosto muito e que posso dizer que apesar dela parecer fácil, demorei alguns bons minutos para conseguí-la. Muitos podem encará-la como apenas sorte, mas infelizmente não é bem assim que as coisas funcionam sempre. 
Imagem
Essa foto em questão aconteceu mais ou menos da seguinte maneira: 
Primeiro passo foi encontrar um guarda-sol numa praia quase que deserta onde eu estava. Feito. Com a sorte (aí sim ela entra), ele estava fazendo quadro com a pedra ao fundo… mas não necessariamente ela deveria existir, mas convenhamos que ajudou bastante na composição da mesma hehe. Segundo passo, depois de pensar no enquadramento e ver que as cores estavam combinando muito, era esperar algo passar para compor o resto da imagem… e nisso fiquei ali, esperando e olhando para os lados torcendo para que alguma alma viva aparecesse naquele momento antes que eu me queimasse por inteiro debaixo daquele sol (visto que embaixo do guarda-sol eu não poderia estar haha). Mais uma vez por sorte? talvez… ao invés de alguém andando, passou esse cara em cima da bicicleta e aí entra o sangue-frio de dar um click na hora certa e capturar aquilo de forma que não precise esperar mais minutos ou horas para uma segunda chance. E foi! Feito! Um click e nada mais.

Após a peregrinação toda, rola o processo da pós-produção, ajustando o balanço de cores/contraste e as vezes acertando alguma coisa do enquadramento… no caso, cortando ela numa proporção 1:1 pois se trata de um quadrado (instagram). Aliás, esse é um ponto a se dizer também… eu sempre fotografo com o aplicativo de câmera padrão do iphone e quase nunca no formato quadrado, é sempre no original mesmo, e só depois é que eu faço todas as modificações e edições.

Bom, acredito que algumas dúvidas foram sanadas e outras foram criadas, mas aos poucos a coisa vai andando. Em breve trago uma outra foto aqui e conto mais ou menos como foi o lance todo dela. E se você tiver alguma curiosidade em alguma foto específica, coloca aqui nos comentários que a gente dá um jeito de colocar ela na fila pra um próximo post ;)

Obrigado, beijos, abraços e até mais!
 

Anúncios

30 comentários sobre “Por trás da foto (Vol. 1)

  1. Muy buenas fotos, yo fui testigo en Buenos Aires que las sacas con el celular!!!! Besos desde Buenos Aires y que sigan los éxitos :))

    Curtir

  2. no dia 11 de abril você postou em seu facebook a foto, entre grades, de uma senhora andando. Não tenho dúvidas, apenas quero saber a história, a que você vivenciou e a que você talvez tenha imaginado.

    Curtir

  3. César, como tu faz pra produzir as fotos “selfie” com a namorada? Percebi, pela qualidade, que são feitas do lado da câmera do iPhone (não a invertida, a normal). Suponho que devas utilizar uma iluminação especial, pois a luz da foto fica muito boa, ela não fica nada granulada e é em ambiente fechado. Sempre tive cuiosidade de saber como consegue um resultado tão bom.
    Grata desde já,
    Carol

    Curtir

  4. Oi Keila,
    Essa foto eu fiz em Buenos Aires e tem alguns meses já (quase ano se bobiar). Coloquei ontem por estar revisitando minha galeria no celular e encontrei ela lá perdida e órfã da série da Argentina. Talvez por estar vendo bastante matéria sobre a Argentina por esse dias, por causa da greve geral que está rolando por lá, achei a imagem muito apropriada. Essa foto foi feita em frente ao Congresso Nacional (vide as iniciais atrás da senhora “CN”) e o mesmo estava em obras (por isso os ferros na frente). A Argentina, não sei se conhece, mas pra mim é um país que decaiu muito nos últimos anos, infelizmente. É um lugar muito bonito, muito estilo europeu, mas que por má gestão as coisas andam caindo rapidamente. No momento da foto era isso que eu enxergava visitando toda aquela área, algo triste e que precisava de força para se reerguer.
    Estava com um amigo nesse momento e estávamos fazendo algumas fotos ali na frente – era mais algo pra mim mesmo, algo turístico. Mas no meio de toda aquela ferragem e depredação, vi aquela senhora já de uma certa idade caminhando e não hesitei em registrá-la. Acredito que tudo isso que eu tenha te dito está nessa foto. Um pouco da tristeza, do sistema arcaico/falho e da falta de perspectiva de uma melhora pra um país tão bonito.

    Curtir

  5. Fala Lucas,

    Primeiramente obrigado pelo elogio, acredito que a percepção seja algo que a gente vá treinando conforme o passar dos anos ;).
    Sobre a foto em questão, o que ajudou bastante foi a iluminação do local, onde a maior intensidade de luz estava sob a passarela. Quando isso acontece e você pede para o celular compensar a luz no ponto que mais há luz, ele naturalmente vai escurecer os locais onde há falta dela (criando assim esse desenho que você está se referindo). Um outro ponto que ajudou bastante pra acentuar isso daí foi a adição de um pouco de vinheta na pós-produção, tornando assim os cantos mais escuros do que já eram por natureza.

    Curtir

  6. Oi Carol, tudo bem?

    Bom, não sei de quais fotos especificamente você está se referindo. Cada uma é um caso. Como não se trata do MEU perfil do Instagram, então não posso te dizer se foi com câmera ou celular. A Hariana não tem a mesma teoria minha, ela usa fotos aleatórias – tanto de câmera como de celular. Se você puder colocar sobre qual foto está se referindo, fica mais fácil te dizer como foi feita. Há fotos de câmeras, há foto com a câmera da frente do celular, com a câmera “de trás”… enfim, tem de tudo no perfil dela.
    Mas se é em ambiente fechado – vulgo nossa casa – provavelmente tenha sim uma iluminação específica ;)

    Curtir

  7. Eita, tu arrasa! Sempre buscando uma forma de compartilhar melhor o teu trabalho pra quem curte.
    Desde que eu vi essa foto no teu instagram também criei um apreço por ela, e agora sabendo como foi feita tudo faz mais sentido.
    Parabéns, Cesinha!! Beijoss

    Curtir

  8. Legal saber da história dessa foto. A dedicação e a paixão enquanto vivas, geram sempre uma nova ideia. Pura arte! Parabéns!

    Curtir

  9. Parabéns, mais uma vez, pela foto lindona e pela atenção em contar a história da foto.
    Tenta criar uma regularidade (1 foto/historia por mês/semana) pra ti mesmo (e pros fãs, é claro). haha
    Tu és foda e eu admiro DEMAIS tuas fotos. Abrá!

    Curtir

  10. Primeiro: parabens pela foto! Realmente é muito boa e bem tirada. Admiro muito a sua percepção em todas as suas fotos, é muito talento em uma pessoa só, haha. Concordo plenamente contigo quando você diz que a graça do instagram ta em você tirar uma foto legal com apenas a camera do celular. Acho que esse é a graça e o intuito ne? Mas tem muita gente que não pensa assim… Gostei muito dessa sua postagem, é legal saber a historia por trás das suas fotos incriveis! Parabens mais uma vez Cesinha, admiro muito o seu talento! :D

    Curtir

  11. Césinha! Você é um mito! Tuas fotos são incríveis e você é uma das minhas maiores inspirações, pois eu amo fotografia e espero um dia ser tão boa quanto você é! Parabéns, beijos! =)

    Curtir

  12. Parabéns Césinha, acho seu trabalho incrível e saber como ele foi pensado faz eu gostar ainda mais, estou sempre de olho! Você merece todo sucesso!

    Curtir

  13. Olá Cesinha. Primeiramente, parabéns pelas maravilhosas fotografias. Eu gostaria de saber como você faz todas suas fotos, porque em cada uma delas tem algo que só você enxerga, fico impressionada com sua percepção, mas como não é possível você explicar todas hehe quero saber de uma recente, tirada no SPFW, é essa aqui: http://instagram.com/p/mTqJSOzV3H/ eu sinceramente AMEI essa foto. Parece tão simples, mas ao mesmo tempo tão complexa. É isso, se puder comentar sobre ela ;D

    Curtir

  14. Olá Stefanie,

    Obrigado pelos elogios!
    Bom, sobre a foto que vc citou, ela foi tirada em um pequeno acesso que tive ao backstage do evento. Foram exatos 5 minutos (ou até menos) que consegui entrar em um dos camarins, que por sinal estava bombado de tanta gente, e ali me virar para fazer algum retrato. Essa modelo em questão estava sendo maquiada de frente para aqueles espelhos com muitas luzes em volta. Como vi que no resto do ambiente nada sairia bom, fiquei ali do lado dela… abri o aplicativo da câmera no celular e grudei no perfil dela esperando o momento certo (obs: o momento certo era qndo o maquiador parasse de maquiá-la para ver algo e aí eu poderia fazer a foto sem as mãos dele aparecendo). E assim foi… em 1 minuto no máximo ele deu uma saída de cena e o clique foi feito. Lembro de ter dado dois cliques… no primeiro ainda sobrou uns pedaços das mãos dele e nesse segundo tinha restado só o rosto da modelo. Logo em seguida guardei o celular e me encaminhei pra porta de saída do camarim…

    Curtir

  15. achei esse seu texto pedante. se encaixa na ‘arrogância dos medíocres’ — nao ha necessidade de menosprezar quem usa dslr, quem usa instantanea, ou quem usa outra forma de fotografar senão a partir do celular. um fotógrafo não se importa com quais ferramentas se dispõe. se esta satisfeito com o que resulta de suas fotos com celular, ótimo. e fim.

    ps – sobre a “arrogancia dos mediocres”: http://ansiamente.wordpress.com/2012/05/10/a-arrogancia-segundo-os-mediocres/

    Curtir

  16. Olá sr(a) fake fjoe,

    Pelo visto você deve ser uma das pessoas que usa DSLR no Instagram, mas isso pra mim não é um problema, muito menos pra você. Talvez você tenha entendido errado – talvez não, com certeza entendeu – mas essa regra que eu disse se diz somente ao meu instagram e ao meu perfil, nada mais. Tanto é que sigo várias pessoas (muitos amigos até) que só usam fotos com DSLR e nem por isso estou diminuindo o trabalho deles, muito pelo contrário, curto várias fotos deles por sinal. Concordo em gênero, número e grau que o equipamento não faz a foto e que o fotógrafo não se importa com isso, mas como te disse, essa é uma regra que EU uso no MEU instagram, entendido? Mas como as pessoas gostam de interpretar texto errado, estamos sujeitos a comentários como o seu, que inclusive, se passa por alguém sem identidade pra poder falar o que quer. Se vc me acha medíocre ou coisa do tipo, não sei realmente o que está fazendo aqui… mas a vida segue e sinta-se a vontade para falar o que quiser… felizmente você não precisa da minha opinião para viver e nem eu da sua. Boa sorte na tua caminhada em Cascavel!

    Curtir

  17. Você é incrível, César! No começo eu duvidava que as fotos eram feitas apenas com o celular. “Não, ele não pode estar falando sério.” Estudo jornalismo, estou no último ano e, desde o início da faculdade me apaixonei por fotografia. Comprei uma câmera e comecei a clicar (já até ganhei dois concursos)! Ainda não consegui fazer nenhum curso específico, mas depois do jornalismo pretendo me profissionalizar. Mas como uma boa aprendiz e curiosa que sou, comecei a praticar fotos feitas com o celular. Incrível! É realmente possível “criar” ângulos e conseguir uma foto boa. Tão boa quanto fotos com DSLR. E aí bateu aquele arrependimento. Ele realmente é bom no que faz e não há motivos para eu duvidar que aquelas fotos (maravilhosas) são feitas com um celular. Não sei se você as edita, de qualquer forma é incrível. Você se tornou um exemplo de profissional pra mim. Admiro muito seu trabalho e você como pessoa. Vejo como interage e trata seus seguidores, é realmente admirável.

    Curtir

  18. Fala man…
    Curto a algum tempo seu trabalho e me influencio muito na forma de olhar as coisas…
    Quando li seu post achei ideia muito valida, pois a galera sempre fica com pé atrás se é verdade que tu usa celular.
    Vamos por em pratica a ideia do post…
    Se for valido tenho essas duas fotos pra tirar uma duvida na execução dessas fotos..

    A post shared by César Ovalle (@cesinha) on

    A post shared by César Ovalle (@cesinha) on

    valeu man, sucesso….

    Curtir

  19. Há tempo acompanho teu trabalho e a palavra admiração já virou clichê. Sempre amei fotografia e o modo como você fotografa me encanta. De complicar o simples e simplificar o complicado. Enfim, dentre todas as lindas fotos, três me chamam atenção.

    Essa trabalhando com a iluminação: http://instagram.com/p/f_NxPmTVxc/

    Essa com dupla exposição ( a duvida não esta na dupla exposição em si, mas na cor. A qualidade é tão perfeita que nem parece ser de celular. Como chegou a esse branco perfeito?? 😱😱)

    A post shared by César Ovalle (@cesinha) on

    A post shared by Hariana Meinke (@harianameinke) on

    Curtir

  20. Fico surpresa com tanta delicadeza em todas as suas fotos. Você torna o simples em completo. E isso de usar a câmera do iphone é o que surpreende e te faz um fotógrafo de verdade. Parabéns Cesinha, suas fotos realmente são lindas e incríveis, já virei fã do seu trabalho. Te desejo sucesso sempre na sua carreira. Ps: Ah, não querendo ser inconveniente, mas ainda estou aguardando ansiosamente o post sobre os aplicativos que você usa e ficou de nos contar, viu? hahaha. Beijos!

    Curtir

  21. Primeiramente parabéns pelos clicks, acompanho seu trabalho há bastante tempo, é uma das minhas maiores referencias, ja até comentei com Caio Paifer, deixando de lado essa história, além de eu fotografar shows entrei na onda do instagram e percebi historias nas suas fotos por lá, um feed bem diversificado e ficava me perguntando como você conseguia fazer aquilo com um Celular, isso me intrigava, e saia com meu celular pra rua pra tentar chegar em um resultado parecido com suas fotos, e acabei curtindo essa maneira de fotografar via mobile, recentemente minha foto foi vencedora do concurso olhar de torcedor da samsung e acho que isso tem a ver com você, ser possível fazer um registro com poucos recursos da câmera do cel, Muito obrigado hahaha. Bom, vai uma pergunta, quando você sai, pra fazer um trabalho, ou até ir a uma padaria, você “caça” fotos durante ou trajeto ou elas fluem naturalmente sem muito esforço? No meu caso ando observando tudo e imaginando se rende uma foto, buscando coisas que passam despercebido para as pessoas. Parabéns Mestre Césinha.

    Curtir

  22. Fala Felipe, tudo bem?
    Pô, primeiramente obrigado aí pelas palavras e tudo mais… mas acho que é assim que as coisas sempre começam: com força de vontade, meta e um foco.
    Cara, há dias e dias… tem dia que eu saio pra uma coisa e as fotos aparecem sozinhas, outras eu já saio com a intenção de caçar umas sim. O lance é que sempre ando olhando pra tudo quanto é coisa, mas tem dias que você enxerga mais e outros menos. Deve ser a tal da inspiração né? Mas é isso. Valeu e obrigado mais uma vez! Abs

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s